Empresa receberá dano moral por comercialização indevida de produto

Um fornecedor contratado por uma empresa para desenvolver seu projeto terá de pagar dano moral. A decisão é do juiz de Direito Luis Felipe Ferrari Bedendi, da 2ª vara Empresarial e Conflitos de Arbitragem de SP, ao reconhecer que o fornecedor não só desenvolveu o projeto como também o comercializou sem a devida autorização. A empresa do ramo de equipamentos de proteção e segurança ajuizou ação contra o fornecedor alegando que as obrigações combinadas fo...